História da Borboleta

Leia mais

Inscreva-se no YouTube

Leia mais

Pesquisa de Público

Leia mais

Ganhe 10% de desconto usando o código Carina Rocha

Leia mais

Anuncie

Leia mais

01 junho 2015

30 dias para namorar - DIA 19

PRECISO DE VOCÊ POR QUE TE AMO!
TE AMO PORQUE PRECISO DE VOCÊ!


Quem nunca ouviu falar de namoro por conveniência que atire a primeira pedra?!

Pois é, alguém já viu, já ouvir falar, ou até já viveu um amor assim.
Existem pessoas que fazem de tudo para alcançar a fama, o status social, e usam pessoas e sentimentos para conseguirem.
Basta o cara ter um carrão que a mulherada cai matando.
Basta a mulher ser linda e famosa entre a sociedade onde vive ou mesmo ter um sobrenome forte, que a disputa começa.

Por outro lado, existe o amor sincero, que não precisa de muito para ser feliz.
Não importa o que a pessoa tenha, ou até mesmo rachar a conta na lanchonete, mas a companhia já é tudo.

Por isso existem casais que vivem as duas frases do título do post.
Alguns precisam de você porque te ama, outros vão amara tanto que vão precisar de você.

Se você tem dinheiro, status, ou qualquer coisa assim, fique atento para ver se a pessoa só te ama porque precisa de você. Ou se você é interesseiro, cuidado, dinheiro não compra a felicidade, e você pode perder a chance de viver um amor lindo na sua vida simplesmente porque seu interesse é maior do que seus sentimentos. Você pode acabar vivendo dias amargos, tristes, infelizes. Já parou para pensar que você poderia ficar com quem ama e construir um império juntos? Seria muito mais divertido e gostoso.

Agora, se você está nessa de não ter dinheiro, está lutando dia após dia para conseguir ser alguém na vida, você poderá viver dias lindos cheios de amor (não que dias ruins também não vão existir), pois o amor vem das coisas simples, assim como já falei em um dos meus vídeos, até Deus se manifesta nas coisas simples pra declarar o amor dEle.

Então prefira que precisa de você porque te ama do que alguém que te ama porque precisa de você.

Palavra devocional: Lucas 10:30 ao 37

Nenhum comentário

Postar um comentário