História da Borboleta

Leia mais

Inscreva-se no YouTube

Leia mais

Pesquisa de Público

Leia mais

Ganhe 10% de desconto usando o código Carina Rocha

Leia mais

Anuncie

Leia mais

25 junho 2015

Pequei, e agora?



Como muitos já devem ter percebido, nos últimos dias tenho falado muito a respeito de "namoro cristão", pois comecei a perceber sérias dúvidas relacionadas a esse tipo de assunto e também em como o diabo tem tentado destruir jovens ferindo algo tão delicado e especial que são os sentimentos.

Quando estamos tristes, abatidos, feridos, machucados, estamos vulneráveis a qualquer tipo de coisas, até mesmo as drogas, pois muitos procuram saída nisso.

Em um namoro cristão, sabemos que existem certas regras que as pessoas não cristãs não seguem, e uma delas é o sexo antes do casamento.
Se o casal chegar a cometer esse pecado, pode vir a culpa e com isso desencadear um milhão de sentimentos.
Só que hoje eu estou aqui para te ajudar a respeito deste assunto.

Muitos jovens afastam-se de Deus, desistem de seguir fiéis à sua fé após cometerem um pecado (algo que sabem que é errado, algo que afasta a pessoa de Deus mas mesmo assim prosseguiram em fazer).

Após a prática do pecado, a pessoa já não parece mais a mesma, antes fervorosa, agora cheia de dúvidas e insegura; antes uma jovem em paz, agora vivendo um inferno interior.Como sair dessa situação? Como voltar atrás? Será possível?
Antes de saber a resposta a estas perguntas, deve pensar primeiro o que o(a) levou a pecar. Ninguém estando em uma comunhão íntima com Deus, vigilante e temente, acorda um “belo” dia e decide jogar tudo o que conquistou espiritualmente para o ar e pecar, colocando assim a sua salvação no lixo.
Houve primeiro um adormecimento da fé, uma falta de vigilância, uma falta de temor, uma acomodação!
Esse foi o princípio da queda. E é por aí que se deve consertar.

“Lembra-te, pois, de onde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; quando não, brevemente a ti virei, e tirarei do seu lugar o teu castiçal, se não te arrependeres.
” Apocalipse 2:5

Muitos correm para Deus, pedindo perdão pelo seu pecado, mas logo em seguida caem novamente no mesmo. Não houve arrependimento, mas sim um pesar, um remorso pelo sucedido.
É preciso cortar logo o que o fez cair em primeiro lugar. Quer tenha sido uma amizade, um computador ou um namorado(a), até mesmo um tipo de roupa mais ousada e provocante.

Depois da pessoa pecar, imediatamente se faz uma quebra na aliança entre Deus e a mesma.

A prática do pecado é uma traição a Deus.
Como voltar a ser para Deus o que era? Já nada parece igual, a leitura da bíblia parece não passar nada, o jejum não tem mais o mesmo sabor, a reunião que participamos se torna enfadonha e na nossa oração a Deus o diabo acusa o tempo todo, convencendo que você não presta e que não tem o direito de voltar, sequer, a mencionar o nome d’Ele.
Há uma coisa que precisa saber: Realmente você não vai conseguir ser como antes.
Mas isso não é mau. Veja o que Deus prometeu:

“Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo”
2Corintios 5:17

Uma vez arrependido, amadurece,
reconhece a misericórdia e o perdão de Deus e sente-se mais amado, porque sabe que Ele te perdoou e te amou, mesmo sem merecer o perdão.
Uma vez voltando a praticar as primeiras obras, que são o fundamento do cristão: Participar das reuniões da igreja, ler a bíblia, orar, meditar na vontade d’Ele para a sua vida, jejuar, ofertar, etc. Você estará reconstruindo uma Aliança Nova.
A velha, que você quebrou, Deus não está mais nela, Ele lhe propõe uma nova!
Você aceita?



2 comentários:

  1. Muito legal saber seu ponto de vista e conhecer esse lado

    Beijoos e sucesso
    http://le-duo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito legal sua iniciativa em falar deste assunto Carina.
    Falei algum tempo atrás também... se quiser dê uma olhada lá.. bjinS!

    http://www.cristianizese.com.br/2015/02/a-biblia-fala-sobre-sexo-leiaabiblia.html

    ResponderExcluir