História da Borboleta

Leia mais

Inscreva-se no YouTube

Leia mais

Pesquisa de Público

Leia mais

Ganhe 10% de desconto usando o código Carina Rocha

Leia mais

Anuncie

Leia mais

29 outubro 2015

Devo comemorar o Halloween?


Pois é gente, o tão conhecido "halloween" está chegando, e você sabe exatamente o que é isso?

Muitos pais deixam seus filhos comemorarem esta festa na escola, ou até mesmo adultos comemoram achando ser uma festinha inofensiva.
Hoje eu gostaria de compartilhar com você um pouco sobre esta tão conhecida "festa".

Definição: “Hallowed” é
uma palavra do Inglês antigo que significa “santo”, e “e’en” também de origem inglesa significa “noite”, então o significado é “Noite Santa” ou “All Hallows Eve”, “Noite de Todos os Santos”.

O halloween provavelmente surgiu na Europa, centenas de anos antes de Cristo. Originalmente, o Halloween era um ritual do povo Celta... Para eles, a noite de 31 de outubro, data da comemoração até hoje, indicava uma importante celebração que marcava três fatos: o fim da colheita, o Ano-Novo celta e também o início do inverno, "a estação da escuridão e do frio", um período associado aos mortos.

O Halloween acontece nas noites dos dias 31 de Outubro que são geralmente celebradas com festas a fantasia, fogueiras e com crianças fantasiadas de monstros, fantasmas, bruxas, etc., saindo de casa em casa pedindo doces (brincadeira de “trick or treat”, “travessuras ou doces”) e não é uma escolha por acaso. No calendário celta, este é um dos quatro principais dias de descanso das bruxas.


Para os druidas, 31 de outubro era a noite em que Samhain voltava com os espíritos dos mortos. Eles precisavam ser apaziguados ou agradados; caso contrário, os vivos seriam ludibriados. Acendiam-se enormes fogueiras nos topos das colinas para afugentar os espíritos maus e aplacar os poderes sobrenaturais que controlavam os processos da natureza. Recentemente alguns imigrantes europeus, de um modo especial os irlandeses, introduziram o Halloween nos Estados Unidos. No final do século passado, seus costumes se haviam tornado populares. Era ocasião de infligir danos às propriedades, e consentir que se praticassem atos diabólicos não tolerados noutras épocas do ano.
A Igreja Católica celebrava originalmente o “Dia de Todos os Santos” no mês de maio e não dia 1 de novembro como é feito atualmente. O Papa Gregorio III, em 835, tentando apaziguar a situação nos territórios pagãos recém conquistados no noroeste da Europa, permitiu-lhes combinar o antigo ritual do “Dia de Samhain” ou “Vigília de Samhain” (algo parecido com o que os católicos fizeram no Brasil com os deuses africanos e os santos da igreja no tempo da escravidão). O Panteão de Roma, templo edificado para adoração de uma multiplicidade de deuses, foi transformado em igreja. Os cristãos celebravam ali o dia dos santos falecidos no dia posterior ao que os pagãos celebravam o dia de seu Senhor dos Mortos.

PONTO DE VISTA CRISTÃO


A cada dia o diabo tenta deixar suas coisas mais "aceitáveis", mascarando para parecer "legal". Cristãos tem se deixado levar pelas festas, decorações, movimentos desta festa, cada vez mais comum no Brasil. Estão se esquecendo do que realmente somos: LUZ em meio as trevas. Não podemos celebrar uma festa aos mortos onde existe a escuridão. Seria possível a luz habitar junto com as trevas? 2 Coríntios 6:14.

As escolas promovem festas com este tema achando ser inofensivo, muitas vezes nem são culpadas por não saberem a origem. E os pais incentivam seus filhos comprando fantasias, sem ao menos procurar explicar o que isso significa.

Jesus também foi criança, com certeza teve os mesmos costumes de crianças, brincar, ir á escola, etc., e se fosse nos dias de hoje, ele participaria das festas assim também?

Bruxas e feiticeiras sempre foram vistas como adoradoras de demônios e detentoras de poderes mágicos e ocultos. Na Idade-Média eram consideradas perigosas. As novas feiticeiras deveriam renunciar a Deus, contraindo laços eternos com o diabo. As feiticeiras eram encorajadas a atrapalhar a vida dos cristãos. Maleficium era o nome do dia propício para a pratica secreta do mal; e, para que suas feiticeiras se transformassem em fontes poderosas de desarmonia, Satanás lhes conferia poderes sobrenaturais.

Estranhamente, o halloween significa dia das bruxas.

Houve grande perseguição por parte da Igreja Católica Romana. Sendo eles na época declarados cristãos perseguiram para matar as bruxas, porque hoje temos que nos ajuntar e comemorar com eles?

Usar fantasias de bruxas, caveiras, fantasmas, enfim, e porque? Somos cristãos, não devemos nos misturar com as trevas, mas temos que nos revestir com a armadura divina. Esta deve ser a roupa do cristão (espiritualmente falando). Efésios 6:10

O mundo tem entrado no cristão, mas os cristãos não estão tentando fechar as portas para isso, deveriam ganhar o mundo para cristo.

O halloween está tão comum entre os cristãos, que se vê mais cristãos participando desses eventos do que se lembrando do que é o dia 31 de outubro para nós (evangélicos), comemora-se o dia da Reforma Protestante.

Desculpe pelo post longo. Tentei resumir o que pude, mas lembre-se: 
E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém, reprovai-as. (Efésios 5:1)

Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; (1 Pedro 2:9)



3 comentários:

  1. Cah eu super concordo, por que temos que comemorar uma coisa dessas??? Se a bíblia fala que os feiticeiros, e qualquer que pratica e ama a iniqueidade vçao ficar de fora do Reino de Deus. O povo realmente perece por falta de entendimento. Mas graças a Deus que Ele tem nos aberto os olhos. Que não venhamos nos conformar com esse mundo, mas nos renovar a cada dia através da palavra de Deus :)
    Beijoo ♥
    http://www.meninasdaigreja.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Tai, eu fico preocupada em ver tantos jovens perecendo e também não se importando e buscar esse conhecimento. Que Deus nos use a cada dia mais para alcançar essas pessoas.
      Obrigada pela visita. Beijinhos.

      Excluir
  2. Parece que em todo tipo de comemoração as pessoas não entendem o real significado, apenas vão pq "tudo é festa", não querem ficar excluídos da modinha, ou é um motivo a mais de se aparecer de alguma forma. Sem parar pra pensar: o que realmente estão comemorando?

    ResponderExcluir