História da Borboleta

Leia mais

Inscreva-se no YouTube

Leia mais

Pesquisa de Público

Leia mais

Ganhe 10% de desconto usando o código Carina Rocha

Leia mais

Agenda

Leia mais

11 agosto 2016

O pai do filho pródigo



E ai galera, graça e paz.
Hoje quero compartilhar algo bem particular para vocês. Talvez você pode achar "nada a ver", mas em cada situação da minha vida eu procuro ouvir Deus e o que Ele tem para me ensinar.



Hoje, 11/08/2016 fazem exatamente 12 dias que o meu gatinho sumiu, e ele nunca tinha saído de casa, e quem tem gato ou cachorro sabe que a gente considera como membro da família né?
Nos primeiros dias eu fiquei dando voltas pelo quarteirão, perguntei para os vizinhos; e como minha casa é sobreloja, eu subia numa escada e ficava olhando por cima dos telhados esperando que ele pudesse voltar, e em meus pensamentos eu ficava: "-será que ele está com fome? Com sede? Com frio? Machucado? Será que está vivou ou não?".
E em um desses dias eu estava orando, e Deus falou algo lindo no meu coração: "- eu como Pai, como você acha que me sinto quando um filho meu sai de casa?".

Todos os dias Deus tem a mesma espera por você, a mesma preocupação, todos os dias Deus olha e diz, filho porque você não volta para a casa do Pai? Seu lugar ainda está aqui, o ministério, o chamado. Não quero que você se machuque lá fora, nem chore, nem sofra.

Muitas vezes achamos que se voltarmos para a igreja seremos julgados, repreendidos, que nem seremos aceitos por Deus, mas isso não é verdade. Deus sente saudade de você, Ele ama você de tal maneira que se preocupa com você mesmo que você esteja longe da casa do Pai.

Em Lucas 15:20 diz: "E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou."

Fico imaginando que talvez aquele pai ficava todos os dias olhando no portão com a esperança de que seu filho voltasse, pensando no que poderia esta acontecendo, ou quem sabe até mesmo orando por ele.

A vontade do Senho é de te abraçar, matar a saudade, curar suas feridas, restaurar você ao lugar de onde saiu (Lucas 15:4-7).
Não se importe com as pessoas, com o que vão dizer ou pensar, elas não podem te salvar, somente Jesus pode, e só você pode decidir se quer ou não, mas faça como o filho pródigo, escolha hoje voltar para a casa do Pai, ele está te esperando, e é só você se lançar nos braços dele.

Talvez tudo o que você leu pode ser a resposta que você precisava.

Não julgue se você estiver passando por momentos ruins em sua vida, Deus pode falar com você neles também, te ensinar coisas e usar sua história para ajudar outras pessoas.

Pode não ser tão fácil abandonar os desejos do mundo, mas é porque você tem um olhar egoísta e procura satisfazer seu próprio prazer, mas olhe hoje para o Pai, o quanto ele sente sua falta e que ele está te esperando.

Vale a pena trocar sua eternidade com quem te ama e deu a vida por você por momentos passageiros nesse mundo?

O que você vai escolher hoje?

Essa é uma nova oportunidade que Deus te dá.




Um comentário: