História da Borboleta

Leia mais

Inscreva-se no YouTube

Leia mais

Pesquisa de Público

Leia mais

Ganhe 10% de desconto usando o código Carina Rocha

Leia mais

Agenda

Leia mais

14 junho 2017

É possível nascer de novo? / #ProjetoNeemias #20



E aí galera, graça e paz.

Será que entendemos ou sabemos explicar o que é nascer de novo?
Todos nós que aceitamos a Jesus, começamos um processo de novo nascimento, vou explicar melhor mais pra frente no post.

Ninguém nasce de novo sozinho, precisamos de alguém para que isso aconteça, precisamos ser gerados e educados. Após o nascimento, precisamos aprender a andar, falar, precisamos ser alimentados; assim como bebês espirituais como a bíblia diz. Mas assim como alguém fez com a gente, também devemos fazer com alguém.

Quando nascemos de novo, nosso linguajar fica diferente, nosso comportamento muda, mas não aprendemos isso sozinhos.

Neemias fez isso também com o povo ao ler e ensinar o livro da lei.
Fez com que o povo nascesse de novo espiritualmente. Não sabemos muitos mistérios da vida, principalmente o de uma vida sendo formada no ventre de uma mulher, mas aceitamos isso pela fé. Do mesmo jeito é o novo nascimento em Cristo.

É a vida divina se fundindo em nossa natureza humana e isso é o que nos torna filhos de Deus, após aceitarmos a Jesus, Ele vem morar em nós através do Espírito Santo, e restaura a ligação que foi rompida no Éden, nos proporciona a possibilidade de vivermos eternamente com Deus.

Existe alguém precisando de um novo nascimento, que está sofrendo, que também precisa ter
a vida restaurada. Então gere alguém, ensine a andar, falar, ensine a se alimentar da maneira certa, discipule uma pessoa até que ela esteja pronta para gerar alguém.
Faça como Neemias fez.

Jesus diz em sua palavra que devemos dar frutos dignos de arrependimento. Então até o fim deste projeto (até o final do ano), você tem para ajudar no nascimento de uma pessoa.
E depois quero o testemunho aqui nos comentários.

Nossa ligação com Deus foi restaurada, o Espírito Santo habita em nós, e acredite, não é para ficarmos acomodados sem crescermos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário